PM apreende 60 quilos de maconha em casa em Mogi das Cruzes

PM apreende 60 quilos de maconha em casa em Mogi das Cruzes — Foto: Polícia Militar/Divulgação

PM apreende 60 quilos de maconha em casa em Mogi das Cruzes

Drogas estavam armazenadas em um banheiro na forma de tijolos.

 

A Polícia Militar apreendeu 60 quilos de maconha em uma casa no bairro da Ponte Grande, em Mogi das Cruzes, na noite desta quarta-feira (25). A droga estava armazenada em um banheiro na forma de tijolos.

 

A PM apreendeu também no imóvel duas balanças de precisão e R$ 3 mil. Um suspeito, um açougueiro de 23 anos, foi preso em flagrante. O caso foi registrado no 1º Distrito Policial.

 

Denúncia
Policiais militares em patrulhamento receberam uma denúncia que um homem armado estava ameaçando pessoas na Rua Antonio Gonçalves na Ponte Grande.

 

De acordo com o boletim de ocorrência, eles foram ao local e encontraram o açougueiro. Inicialmente ele negou, mas os policiais relataram que depois de vários questionamento o homem admitiu que tinha uma arma em sua casa.

 

Segundo os policiais, eles foram com o suspeito até a casa dele onde ele teria entregado um revólver calibre 22 com a numeração raspada que estava guardado dentro do armário da cozinha.

 

O homem foi questionado se não tinha mais nada ilegal em sua casa. Ele, então, teria levado a equipe até o fundo da garagem e retirado de dentro de um armário um pedaço de tijolo de maconha.

 

Os policiais contaram que resolveram vistoriar o imóvel e em um banheiro encontraram uma grande porção de drogas e duas balanças de precisão.

 

Em uma carteira perto do televisor os policiais afirmaram que encontraram R$ 3 mil. O suspeito contou aos policiais que apenas armazenava as drogas em sua casa e, para isso, ganharia R$ 2 mil.

 

No entanto, ele não soube dizer o nome ou a localização do dono das drogas. Sobre o dinheiro encontrado na casa, ele disse que era da mãe dele.

 

A droga foi apreendida e pesada indicando 60.145 quilos de maconha distribuída em 85 tijolos. O suspeito foi levado para a delegacia onde preferiu ficar em silêncio. Ele ficou preso em flagrante.

 

Fonte: G1 Mogi das Cruzes e Suzano