13º Salário – Saiba como usar corretamente este benefício

Consultor da Personal Consig orienta associados da AOPP sobre investimentos do 13º salário.

13º Salário – Saiba como usar corretamente este benefício

Está chegando o fim do ano, e muitas pessoas já começam a receber parte do 13º salário. Essa é uma garantia da lei brasileira e tem uma variedade de propósitos, entre eles aquecer a economia no período do Natal e final de ano.

 

Muitas vezes, quando o 13º cai na conta, mal temos a oportunidade de aproveitá-lo! Qual é a melhor estratégia para planejar o orçamento financeiro? Vamos tentar imaginar esse 13º como um presente de Natal. Lembra quando dissemos aos nossos filhos que se eles forem bonzinhos ganharão presente do Papai Noel, e caso não sejam, não ganharão nada?

 

Partindo desse princípio, se você foi bonzinho, não tem nenhuma dívida pendente, está com a vida financeira em ordem pode aproveitar e comprar presentes, fazer uma viagem, aplicar esse dinheiro.Caso não tenha sito tão bonzinho assim, chegou a hora de se presentear com o “presente” e se livrar de algumas coisas que podem atrapalhar muito sua vida financeira.

 

1ª – Cheque especial e cartão de crédito

Os maiores juros do mercado financeiro são os do cheque especial e do cartão de crédito, então que tal quitar aquele parcelamento de fatura de cartão de crédito, ou cobrir aquele limite usado do cheque especial?

 

2ª – Empréstimo pessoal

Juntamente com os dois citados acima, juros altos e uma situação que pode trazer problemas financeiros, tentar usar o valor para poder solicitar uma quitação, já que na quitação terá descontos e pode ser uma vantagem.

 

3ª – Comprar presentes de Natal à vista

Nesse caso, já que a ideia é não fazer dívidas, que tal comprar presentes de Natal à vista caso tenha sobrado um pouco do valor? Fazendo isso você não usará o cartão e consequentemente não terá dívidas para o ano que está para começar. Importante lembrar que uma das melhores coisas caso não tenha dívidas é planejar bem o uso do 13º:

 

– Aplicar o dinheiro em uma poupança é uma boa ideia, pois você pode deixar esse valor como uma reserva emergencial.

– Lembrar que assim que o ano começar seus gastos tendem a subir no primeiro mês. IPTU, IPVA, rematrícula, material escolar.

Usar o 13º com consciência pode fazer com que ele realmente se torne um presente no final de ano.

Matéria publicada na edição 20 da Revista AOPP.